A Gestiener está empenhada na proteção da privacidade dos seus clientes, contactos, fornecedores e/ou parceiros e no cumprimento de todas as leis aplicáveis sobre a proteção de dados e a privacidade. A presente Política de Privacidade tem por objetivo prestar toda a informação acerca do tratamento de todos os dados pessoais. Para efeitos da presente Política, entendem-se por “dados pessoais” as informações relativas a um indivíduo (ou uma pessoa singular) que o tornem identificado e/ou identificável. A presente política aplica-se ao tratamento dos dados pessoais do utilizador apenas nos casos em que A Gestiener, seja a responsável pelo tratamento dos mesmos ou em qualquer caso onde A Gestiener, faça referência à aplicabilidade da presente Política.

DADOS PESSOAIS?

DADOS PESSOAIS engloba qualquer informação, de qualquer natureza e independentemente do respetivo suporte, incluindo som e imagem, relativa a uma pessoa singular, suscetível de a identificar ou de a tornar identificável (isto é, identificada direta ou indiretamente, designadamente por referência a um número de identificação ou a um ou mais elementos específicos da sua identidade física, fisiológica, psíquica, económica, cultural ou social).

…FORNECIDOS NA UTILIZAÇÃO DO WEBSITE:

Esclarecimentos sobre estas tecnologias…

O conceito de DADOS PESSOAIS integra não apenas aquela informação que comummente lhe podemos associar – nome, morada, número de contribuinte -, mas também informação como endereços IP e até relativa a comportamentos, atitudes e preferências do utilizador de um website.

Ou seja: como em qualquer outro website utilizamos tecnologias – como é o caso dos testemunhos de conexão (“cookies”) -, suscetíveis de recolherem DADOS PESSOAIS dos nossos utilizadores.

Tentamos explicar: cookies são pequenos ficheiros que ficam armazenados no seu dispositivo eletrónico utilizado através do browser do mesmo, e que tratam informações sobre os seus hábitos de utilização do website.

Está na disponibilidade do utilizador remover a utilização de cookies, desde logo através da alteração das configurações do seu browser.

O objetivo destas tecnologias é essencialmente facilitar e acomodar a utilização do website, sendo fundamental à experiência de navegação. Isto, sem prejuízo de poder servir outros fins, nomeadamente comerciais e estatísticos, que também nos permite otimizar a sua experiência!

Terceiros poderão, por si ou quando subcontratados para o efeito, usar cookies próprias e aceder a estas informações. Sendo certo que apenas permitiremos a utilização destas tecnologias por terceiros que nos consigam garantir a segurança dos dados dos nossos utilizadores!

Para mais informações sobre os cookies utilizados e outros mecanismos semelhantes, bem como sobre o processamento de dados pessoais associado consulte a nossa POLÍTICA DE COOKIES aqui: ver política de cookies

 

…FORNECIDOS VOLUNTARIAMENTE NO SITE:

Quando comunica connosco através dos nossos contactos.

No nosso site estão disponíveis contactos através dos quais conseguirá, querendo, contactar-nos.

Quando comunica connosco através dos nossos contactos através do nosso formulário de contacto (“Pedido de Contacto”).

Dispomos de um formulário de contacto (“Pedido de Contacto”) que poderá utilizar preenchendo os campos “nome”, “telefone”, “e-mail”, “assunto” e até “nome da empresa”. Este formulário deverá ser utilizado pelo utilizador apenas para pedidos de informações comerciais.

Quando comunica connosco através dos nossos contactos através do nosso formulário de contacto (“Pedido de Cotação”).

Ademais, dispomos de um formulário de contacto (“Pedido de Cotaçaõ”) que poderá utilizar preenchendo os campos “nome”,  “e-mail”,  e “mensagem”. Além disso, e uma vez que este formulário deverá ser utilizado pelo utilizador apenas para pedidos de assistência técnica por parte dos nossos atuais clientes, deverá preencher os campos relativos à “Descrição da Situação” e “Ações Efetuadas para Resolução da Situação”.

Estes dados integrarão as nossas bases de dados e serão geridos internamente pelos nossos colaboradores em função do motivo da comunicação, que poderá estar relacionado com o suporte técnico ou com pedidos de informação comercial. O motivo da comunicação é determinante para o período durante o qual conservaremos esta informação pessoal, ou seja, em primeira linha, pela duração da comunicação estabelecida, não obstante eventuais prazos de conservação nos permitam tratar os seus dados além do tempo previsto. (Referimo-nos, a título de exemplo, aos prazos relativos a prescrição de créditos ou à extinção de procedimentos criminais). Notamos que os dados relativos à assistência técnica integrarão o histórico de assistência do cliente.

Quando comunicamos consigo.

Além daquelas situações em que usamos os dados facultados para responder a eventuais pedidos de comunicação, poderemos comunicar através de avisos disponibilizados no nosso site, por e-mail e até notificações push. Tal acontecerá quando nisso tiver expressamente consentido, ou quando resulte de alguma disposição legal ou contratual.

– DIREITOS ASSOCIADOS AOS DADOS PESSOAIS PROCESSADOS –

As nossas políticas de proteção de dados pessoais foram desenvolvidas na medida em que sabemos e reconhecemos que a privacidade da pessoa é um direito fundamental cada vez mais privilegiado. Assim, sempre que nos faculte informações pessoais, ficará salvaguardado porque lhe assistem direitos legalmente tuteláveis.

DIREITO DE ACESSO E RETIFICAÇÃO:

Sempre que entender pode aceder aos dados facultados aquando a subscrição, podendo igualmente solicitar o acesso ou a retificação dos mesmos de outra forma que lhe seja mais conveniente, nomeadamente enviando-nos um e-mail para rgpd@gestiener.pt. Quando for o caso e sempre que lhe seja possível, identifique o assunto como sendo relativo a matéria de proteção de dados pessoais e, em concreto, a pretensão (por exemplo, “acesso a dados pessoais”). Informações adicionais poderão ser-lhe solicitadas.

Diretos ao assunto: quer isto dizer que pode confirmar quem realmente trata os seus dados pessoais, requerer acesso aos mesmos se for o caso, podendo editá-los, assim como procurar obter informações que estejam relacionadas com o seu tratamento – prazos de tratamento, categorias de dados, direitos associados, etc.

DIREITO DE OPOSIÇÃO AO PROCESSAMENTO DE DADOS:

O que é?

direito de oposição está previsto para ocasião de os dados utilizados visarema salvaguardade interesses legítimos próprios nossos, de parceiros comerciais ou interesses públicos identificados, ou entenda que a forma como tratamos a informação pessoal que nos facultou não é a mais indicada à sua situação particular ou que não serve as finalidades para as quais foram facultados.

Ilustrando: falamos daqueles casos em que utilizamos as suas informações, por exemplo, para identificarmos o tipo de cliente que temos.

Quero exercer o meu direito!

Pode exercer este direito de oposição, designadamente enviando-nos um e-mailcom a indicação, sempre que possível, do assunto como sendo relativo a matéria de proteção de dados pessoais e, em concreto, a pretensão (ex. oposição ao processamento de dados”).

Informações adicionais poderão ser-lhe solicitadas, assim como poderá não ser nossa obrigação deixar de processar os seus dados se tal resultar da legislação aplicável como acontece com aos prazos de prescrição ou de caducidade de créditos.

DIREITO DE RETIRAR O CONSENTIMENTO E AO APAGAMENTO:

Se as políticas de privacidade que defendemos não forem suficientes e quiser “ser esquecido” pelas nossas bases de dados.

Se for uma preocupação do utilizador continuarmos a utilizar os seus dados, pode solicitar o seu apagamento relativamente a todos ou alguns dos dados processados quando: considere (ou não) que os dados são desnecessários às finalidades para as quais foram recolhidos; em caso de ter exercido o seu direito de oposição; se os dados forem tratados ilicitamente ou para cumprimento de uma obrigação legal.

Quero exercer o meu direito!

Pode exercer este direito, nomeadamente enviando-nos um e-mail. Sempre que possível identifique o assunto como sendo relativo a matéria de proteção de dados pessoais e, em concreto, a pretensão (ex. “apagamento de dados pessoais”).

Notamos que informações adicionais poderão ser-lhe requeridas, assim como poderá não ser nossa obrigação apagar os seus dados se tal resultar da legislação aplicável – desde logo, relativamente aos prazos de prescrição ou de caducidade de direitos.

DIREITO À PORTABILIDADE DOS DADOS:

Quero enviar os meus dados para outra entidade.

O utilizador poder requerer a portabilidade dos dados desde que tal seja tecnicamente possível, em formato estruturado, de uso corrente e de leitura automática, mediante o preenchimento do formulário de “PEDIDO DE PORTABILIDADE DE DADOS PESSOAIS” disponível aqui: rgpd@gestiener.pt

Poderão ser cobradas taxas associadas a este serviço de fornecimento de dados.

TUTELA DOS DIREITOS DO UTILIZADOR:

Sinto que o meu direito foi violado, que devo fazer?

A presente DECLARAÇÃO visa propósitos essencialmente informativos, não invalidando que o utilizador que se sinta prejudicado nos seus direitos se socorra dos meios adequados à sua tutela, apresentando reclamações à Comissão Nacional de Proteção de Dados, recorrendo às vias judiciais ou, ainda, falando diretamente connosco.

QUAIS SÃO AS MEDIDAS ADOTADAS DA GESTIENER PARA ASSEGURAR A SEGURANÇA DOS MEUS DADOS PESSOAIS?

Assumimos o compromisso de garantir a proteção da segurança dos dados pessoais que nos são disponibilizados, através da implementação de medidas de segurança físicas e lógicas – como a criação e execução de políticas de proteção de dados e a adoção de soluções de segurança informática e de sistemas de rede -, contra a sua difusão, perda, e uso indevidos, bem como contra o seu tratamento, acesso não autorizado ou qualquer outra forma de tratamento ilícito.

Neste enquadramento e a título ilustrativo, todos os nossos websites são, desde logo, protegidos por um certificado de segurança digital baseado num protocolo capaz de encriptar a informação transmitida entre os nossos servidores servidor e o cliente.

Conquanto ressalvamos que tal conduta não invalida que todos os utilizadores do website devem adotar medidas adicionais de segurança designadamente, assegurar que utiliza um dispositivo eletrónico e um browser adequadamente configurados, com firewall ativa, antivírus e/ou outras formas de segurança de caráter lógico ou até físico.

EXISTE TRANSFERÊNCIA DOS MEUS DADOS A OUTRAS ENTIDADES?

Os dados fornecidos com a subscrição não serão transferidos a terceiros além dos termos previstos nesta Política de Privacidade.

Pode acontecer porque…

No exercício da nossa atividade podemos cooperar com entidades terceiras além das já referidas nesta Política de Privacidade, como prestadores de serviços, suscetíveis de processarem os seus dados. O acesso a estes dados dependerá sempre da autorização expressa, por escrito, do subscritor e titular dos dados, que será devidamente informado dos termos da transferência.

Nestas situações e por razões de transparência, sempre que possível identificar-se-ão estas entidades e o tratamento que fazem dos seus dados.

Ressalvamos que apenas autorizaremos tal acesso na medida em que estas entidades garantam assegurar os dados dos nossos subscritores! Saiba que tomamos as medidas adequadas a garantir que os nossos parceiros cumprem todas as suas obrigações relativas à proteção dos seus dados e, em última linha, seremos os responsáveis pelo seu tratamento.

Mas também divulgaremos os seus dados pessoais quando acreditemos, de boa-fé, nessa necessidade por razões relacionadas:

– Com exigências legais;

– Com a proteção dos nossos clientes, por exemplo, para evitar spam ou tentativas de defraudar os utilizadores dos nossos produtos, ou até para ajudar a evitar lesões graves ou a perda de vidas;

– Com a operabilidade e manutenção da segurança dos nossos produtos, incluindo evitar ou impedir um ataque nos nossos sistemas informáticos ou redes; ou

– Com a proteção dos direitos ou a propriedade das empresas, incluindo a aplicação dos termos que regem a utilização dos serviços; no entanto, se recebermos informações que indiquem que alguém está a utilizar os nossos serviços para traficar propriedade física ou intelectual furtada, não inspecionamos a vida privada do cliente por conta própria, mas podemos denunciar a questão às autoridades.

 

PRECISA DE MAIS INFORMAÇÕES?

Poderá solicitar as informações que considere necessárias relativamente ao processamento e tratamento dos mesmos, advertindo-se que ser aplicada uma taxa no caso de pedidos infundados ou excessivos.

Para o efeito, poderemos exigir elementos que comprovem a qualidade de titular dos dados pessoais que pretende exercer os seus.

Poderá contactar-nos para: rgpd@gestiner.pt